PRINCIPAL








**




À Glória do Grande Arquitecto do Universo .'.

 




Assim como vemos o nascer do sol, assim é nosso desejo de iluminar a humanidade, tornando-a cada vez mais feliz e igualitária


livre e de bons costumes, crê em Deus, ser supremo que nos orienta para o bem e nos desvia do mal.


livre e de bons costumes, cultiva a fraternidade, porque ela é a base fundamental da maçonaria, porque só pelo culto da fraternidade poderemos conseguir uma humanidade menos sofredora.


livre e de bons costumes, não se abate, jamais se desmanda, não se revolta com as derrotas, porque vencer ou perder são contingências da vida do homem.


livre e de bons costumes, pratica o bem porque sabe que é amparando o próximo, sentindo suas dores, que nos aperfeiçoamos.



livre e de bons costumes, é amigo da família, porque ela é a base fundamental da humanidade

QUADRO DA LOJA




QUADRO ADMINISTRATIVO DA
LOJA BENEMERITA ROSA DE SARON 192

Biênio 2017 - 2019


VENERÁVEL - 

PRIMEIRO VIGILANTEANDRE HENRIQUE DE ALMEIDA - M.`.M`,

SEGUNDO VIGILANTEOSNEI COSTA GALVÃO -  M.`.M.`.  

Orador :  - 
DELIO DAS GRAÇAS  GANDRA  -  M. '. M. .

Secretario  :ADOLPHO VON RANDOW NETO - M.'.I.'.

Tesoureiro: JOSE SUDARIO DE CARVALHO - M.`.I.`.


Hospitaleiro: IRES DE MOURA E SILVA - M. '. I. '.

Deputado : VALTER JOSE DE PAULA - M. '. I. '.


supl:     JOSE VIDA G MELO  - M.`.I.`.



IIR . ' .


ANDRE LUIS CARVALHO M. '. M. 

EMILIO SILVA PINTO -  M. '. M. 

LEONARDO SILVEIRA DAMASCENO - M.`.M.`.


NILTON MORAIS - M.`.M.`.


CLEUDER CONDE  - M.`.M.`.


JOSÉ LUIZ FILIPPE MOREIRA OTONI VAZ DE MELO   -  Comp.`.

AURELIO HENRIQUE SALLES  - Comp.`.

CALENDARIO DE SESSÕES






















HISTORIA DA LOJA



Vamos voltar no tempo: Ano de 1984
Tudo começou, quando um grupo de maçons, idealizaram fundar mais uma Loja do Rito Adonhiramita em Belo Horizonte, visando fortalecer e difundir a Maçonaria Adonhiramita no Estado.
O sonho tornou-se realidade no dia 21 de setembro de 1984.
Como todas as Lojas que se iniciam, tiveram que enfrentar inúmeras dificuldades: ora incompreensões, ora pontos de vista divergentes, mas a Loja soube seguir a caminhada sem tropeços e desavenças que levassem ao desanimo e ao retrocesso.
Com muita luta e sacrifício esses homens atingiram os seus objetivos.
Devidamente regularizada recebeu a sua carta constitutiva, e em 14-06-1985 foi feita à consagração do seu estandarte.
Depois de muitas sugestões, foi escolhido o nome de Rosa de Saron.
Por que Rosa de Saron?
Na velha Palestina milenar, região considerada sagrada até mesmo pelos gregos e pelos romanos, nasceu Jesus, o Cristo da Galileia.
Na sua maior parte, na planície, tornou-se famosa por sua vegetação que a adornava e que mais se enriquecia. Havia abundancia e fertilidade na terra, toda ela ao longo de 85 quilômetros, mas em alguns lugares já não era tanto assim, porque dominava o areal, os alagados e charcos e vegetação mais pobre.
Naquele tempo vastamente histórico, essa faixa quase litorânea, era chamada Hasharon (em hebraico) ou Zaroun (pelos gregos) ou ainda Saron (pelos latinos).
Desabrochava nessa área uma belíssima flor, inculta, rica na sua variedade, complexa em seu perfume, mas todas perfumadas, pois trazia em si, a presença do Criador.
Era a rainha das flores: A rosa.
Essa rosa era uma delicada flor da planície de Saron, mas que também brotava em regiões ásperas e áridas dos desertos.
A Rosa de Saron tornou-se uma expressão sacra, em que o sábio Salomão, nos arroubos de suas aspirações poéticas, definiu o Senhor Mestre dos Mestres. Devemos esclarecer que os Maçons cultuam crença ao “Grande Arquiteto do Universo”, que é Deus, Criador e construtor de todas as obras.
Salomão foi o construtor do maior e mais belo Templo dedicado ao Senhor, naquela época, pela sua magnificência e esplendor, para servir de habitação terrena do próprio Deus e colocar a Arca da Aliança, com as tábuas originais dos 10 mandamentos.
A Rosa de Saron atraia pelo seu perfume e encanto a todos que dela se aproximasse, pois exalava o perfume da paz e o sentimento do amor do Grande Arquiteto do Universo, desabrochando na exuberância dos corações, o desejo de Paz, Amor, Justiça e Harmonia.
Daí a escolha da expressão poética e significativa de Rosa de Saron, titulo distintivo dado a esta Loja.
colaborador: Ir.'. Jesus Dias de Brito.'. jdiasbrito@yahoo.com.br

GALERIAS DE EX-VENERAVEIS

 JOSE AREAL PEREIRA
( RUI BARBOSA I)
1984 - 1987
 DILSON VIEIRA DA FONSECA
 (JORGE LAYNE)
1987-1989
 JÉSUS DIAS DE BRITO
         (BORBA GATO)
               1989-1991
 LUIZ CARLOS HORTA
 (EUCLIDES DA CUNHA)
 1991-1993
 WALTER JOSÉ DE PAULA
 (SIMON BOLIVAR)
 1993-1995/1995-1997

JOSE VIDA GOMES DE MELO
(GETULIO VARGAS)
1997-1999
 FLAVIO DIAS
 (CARLOS GOMES)
1999-2001
 EDSON ALVES PEIXOTO
( FRANCISCO XAVIER)
2001-2003
 JOSE DE MORAIS ALVIM
(GALILEU GALILEI )
2003-2005
 WILTON ROCHA
 (MARECHAL RONDON)
2005-2007
 IRIS DE MOURA E SILVA
 (IZAAC NEWTON)
2007-2009
 JOSE SUDARIO DE CARVALHO
 (DILSON VIEIRA DA FONSECA)
 2009-2011
2015-2017
 ADOLPHO VON RANDOW NETO
(TANCREDO NEVES)
 2011-2013
  2013/2015
GIULIANO SIMOES
 (JOSE DO PATROCINIO ) 
 2015 -  in memoria

FATOS & FOTOS

INSTALAÇÀO IR GIULIANO DE SOUZA SIMÕES - 29 DE JUNHO DE 2015



EXALTAÇÃO IR.`. EMILIO . 15 DE 0UTUBRO DE 2011



INICIAÇÃO IR.'. JULIANO EM 23 DE NOVEMBRO DE 2010











COMEMORAÇÃO 25 ANOS DA ARLS.'. ROSA DE SARON em 27 de setembro 2009















Almoço de comemoração aniv ARLS.'. Rosa de Saron, na residencia do Ir.'. Niltinho. 21/09/2008 Domingo.